UNICAMP MUDA LIVROS DO VESTIBULAR


A Unicamp divulgou a lista de 12 obras obrigatórias em língua portuguesa para o vestibular 2021. Essa relação é diferente da que será aplicada no processo seletivo de 2020 pela Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp (Comvest).
Para 2021, a Comvest fez três alterações em relação à lista anterior. Foram incluídas "O seminário dos ratos", de Lygia Fagundes Telles; "O Marinheiro", de Fernando Pessoa, e "O Ateneu", de Raul Pompéia.
s obras "A hora e a vez de Augusto Matraga, de Guimarães Rosa, do livro Sagarana, " O bem amado", de Dias Gomes, e "Caminhos Cruzados, de Érico Veríssimo, constam na lista de 2020, mas não em 2021.
Segundo a organização, os critérios utilizados foram a representatividade dessas manifestações literárias nas tradições culturais, o padrão de elaboração estética e a presença de núcleos temáticos adequados à formação pedagógica dos estudantes do ensino médio.



 Voltar
Boleteen - Colégio 24 Horas