SC LANÇA 1.986 BOLSAS DE GRADUAÇÃO A DOUTORADO


A Secretaria de Estado da Educação de Santa Catarina anunciou a liberação de R$ 24,7 milhões para bolsas de estudos no ensino superior, destinado a cursos de graduação e pós-graduação. Serão 1.986 benefícios voltados principalmente à formação em licenciaturas via artigo 171.
O processo faz parte do Programa de Bolsas Universitárias de Santa Catarina (Uniedu), gerido pelo governo do Estado e que também gere benefícios concedidos pelo artigo 170. De acordo com o secretário Natalino Uggioni, os recursos são oriundos do Fundo de Apoio à Manutenção e ao Desenvolvimento da Educação Superior (Fumdes).
As instituições de ensino superior que tiverem interesse em aderir ao programa ou em oferecer os novos cursos propostos deverão enviar os projetos após publicação do edital, que será publicado em breve no site da pasta e no site do programa.
Entre as licenciaturas, serão ofertadas 910 bolsas para cursos de Inglês, Química e Física. Com habilitação em Pedagogia, os números de benefícios chegam a 200 para as comunidades Quilombolas, Indígenas Kaigang (Aldeia Kondá) e Laklãnõ Xokleng (Terra Indígena Ibirama Laklãnõ).
Entre as novidades, está a oferta de duas novas especializações, que terão 400 vagas no curso de Inovação na Educação e 110 em Educação e Segurança Humana. Em demais cursos de especialização, mestrado e doutorado, o montante será de 366 bolsas.
O artigo 171 é direcionado para alunos que cursaram todo o ensino médio em rede pública ou em instituição com bolsa integral, que residam em Santa Cataria há dois anos e que comprovem carência.
Com o anúncio feito pelo secretário de Estado da Educação, Natalino Uggioni,e pelo governador Carlos Moisés, o montante de recursos destinados a bolsas de estudos pelo sistema Uniedu chegará a R$ 200 milhões, para cursos presenciais de graduação, licenciatura, especialização, mestrado e doutorado.
Além dos R$ 24,7 milhões pelo artigo 171, outros R$ 70 milhões serão investidos para bolsas via artigo 170. Os R$ 70 milhões do artigo 170 serão para ampliar a oferta com novas bolsas de estudo e pesquisa e dentro do Programa de Educação Superior para o Desenvolvimento Regional (Proesde). O Proesde visa a concessão de bolsas para estudantes de graduação em áreas estratégicas e de licenciaturas. Para concorrer a uma bolsa do 170, os estudantes devem ficar atentos aos prazos de inscrição de cada instituição.



 Voltar
Boleteen - Colégio 24 Horas