USP PREVÊ AULAS PRESENCIAIS APENAS EM 2021


A Universidade de São Paulo deverá retomar as aulas presenciais em suas unidades de ensino apenas em 2021. A UFRJ já tinha anunciado essa intenção também. Na USP, a previsão foi apresentada pelo grupo de trabalho que elabora o plano de readequação das atividades acadêmicas em razão da pandemia do novo coronavírus.
De acordo com o planejamento, elaborado a partir da sistematização das propostas enviadas pelas unidades de ensino e pesquisa, e órgãos da USP, tanto as aulas de graduação quanto de pós-graduação deverão continuar sendo ministradas de forma remota a partir do mês de agosto. O grupo de trabalho é coordenado pelo vice-reitor da universidade, Antonio Carlos Hernandes.
Segundo a USP, o primeiro semestre letivo deste ano deverá ser encerrado no dia 18 de julho, seguido do período de férias. O início das aulas – não presenciais – no segundo semestre será no dia 18 de agosto. “É importante destacar que esse calendário poderá ser revisto no momento em que a situação epidemiológica for favorável”, disse o pró-reitor de Graduação, Edmund Chada Baracat, segundo informe da universidade.
Das quase 6 mil disciplinas teóricas que seriam oferecidas presencialmente no primeiro semestre deste ano, 92% foram ministradas a distância com o uso das plataformas virtuais utilizadas pela USP. As atividades presenciais estão suspensas na universidade desde o dia 17 de março.
Fonte: Agência Brasil



 Voltar
Boletim Diretor - Colégio 24 Horas